CHEGA!

16/03/2018


Oi, gente! Como vocês estão? 
Bem, eu me encontro bastante indignada neste momento. Indignada com toda violência que estamos vivenciando no nosso país e isso nos leva a refletir. Pelo menos me leva a refletir. Então, vamos lá? 
Creio que vocês souberam do assassinato da Marielle Franco e da morte de Anderson Gomes - não proposital, como foi relatado em diversos meios de comunicação, causando um sentimento forte de indignação, tristeza e raiva em muitos corações. Por que tanta violência? Li em um determinado lugar que estamos lutando pelo óbvio... E faz sentido. Estamos lutando pela vida, pelo existir, por direitos que são básicos, estamos lutando simplesmente para sermos humanos, termos liberdade de ser.
Eu fico pensando... a que ponto chegamos. Várias transformações já aconteceram e andam acontecendo devido a muitos movimentos e pessoas engajadas, que estão erguendo a cabeça e voz para um mundo melhor, onde possamos SER, ir e vir, para que os direitos sejam respeitados e assegurados, entre outras questões. Sabe-se que é um processo. Transformação é processo. Mas, às vezes, eu olho para as atrocidades que acontecem no dia a dia e me deparo com a falta de humanidade que se encontra em nosso meio e vejo um retrocesso ao invés de progresso. 
Tem escrito na nossa bandeira "Ordem e progresso", quando leio ou simplesmente penso nisso, vejo o quanto ainda precisamos caminhar e lutar. A ordem muitas vezes vem depois da desordem, o equilíbrio depois do desequilíbrio. Tenho esperança. Segundo Stephen Hawking: "enquanto houver vida, haverá esperança".
As palavras até se tornam escassas e a garganta trava. Estamos destruindo a nós mesmos. Quando uma pessoa morre, um pedaço de todos nós morre também. Estamos conectados de alguma forma. Só sei que sinto. Sinto que se foi uma parte de nós. Uma voz foi calada, mas existem milhares que se levantam, que precisam se levantar. Não acontece mudança sem movimento! 
LEVANTEMOS! SIGAMOS JUNTAS E JUNTOS! Eu por você, você por mim e nós por todos! CHEGA! Não podemos deixar para nos levantar só quando algo terrível como o caso de Marielle e tantos outros acontecem. Que a cada dia, com pequenas atitudes que são grandes ou com grandes atos mesmo, mudemos essa realidade na qual estamos vivendo hoje, para que as gerações seguintes possam se constituir numa realidade menos cruel, cheia de brutalidades, preconceitos, discriminações, violência. 
Gerações passadas lutaram por algumas causas, por isso estamos onde estamos, um exemplo que eu não poderia deixar de citar é sobre a questão das mulheres, de uns anos para cá podemos estudar, trabalhar fora, fazer algumas escolhas que antes não podíamos, na verdade, nem o direito de escolher, de ter direito, tínhamos. Nós lutamos e continuaremos lutando e gerações futuras colherão os frutos disto e assim por diante. A música de Michael Jackson, cujo o nome é They don't care about us nunca foi tão atual. Busquemos nos informar e posicionemo-nos a respeito. Não podemos simplesmente tampar os olhos para o que vem acontecendo há um bom tempo e tem se tornado mais evidente a cada dia que se passa. 
Poderia ficar escrevendo, levantando e aprofundando questionamentos. Mas nós teremos outros momentos para isso. Nesta quinta feira - provavelmente você estará lendo numa sexta - só quis mesmo compartilhar com vocês a minha angústia e indignação diante dos fatos. Dentro de mim uma voz vem gritando e hoje gritou com mais intensidade: 'BASTA!'. 
Talvez você não enxergue como pode fazer algo ou sei lá, eu também já pensei isso e às vezes bate até um sentimento assim mesmo, mas sempre lembro que posso fazer sim! Você também pode, basta querer. Com pequenas atitudes nós podemos fazer grandes transformações e com essas pequenas atitudes você pode mudar o mundo a sua volta. Eu sei que a gente tem vontade de mudar o mundo todo, e que bom, que dahora, comecemos então a mudar a realidade a nossa volta e impactar a vida de alguém, transformar. Levar uma pessoa a refletir, é impactar, transformar e fazer refletir um mundo. Pois cada um de nós é um. 


0










Nenhum comentário:

Postar um comentário

Que tal deixar a sua opinião registrada aqui no blog?! Nós ficamos muito felizes por saber o que você pensa e pela sua visita.
Comentários passam por moderação e são sempre respondidos! Caso queira ver a resposta, ative a notificação.